sábado, 5 de setembro de 2009

O verdadeiro Grito de independência

Olá.
Como todos nós sabemos, segunda-feira é 7 de setembro, dia da Independência do Brasil conforme nos ensinou as tias do colégio.

Independência, é? Aham, Cláudia, senta lá!

Só que, em minha humilde opinião, não houve independência nenhuma, visto que todo o processo de emancipação deste país varonil foi concebido e tocado pelas elites, não pelo povo. Elites essas que, mesmo mudando de nome e de regime político (no começo fomos monarquia), continuam lá no poder firmes, enquanto a maioria da população fica praticamente de fora das decisões importantes da nação. O resultado disso: o grande abismo social existente em nossa sociedade: pessoas muito, muito ricas e pessoas muito, muito pobres.
E é justamente pensando nessas pessoas que foi criado o Grito dos Excluídos. Trata-se de um evento realizado em todo o Brasil, todos os anos, no dia da pátria, para dar voz a toda a população. É o momento de indignação, protesto e cobrança pelos nossos direitos. Trata-se de uma legítima demonstração de amor à pátria: não-ufanista e que quer o melhor para todos os cidadãos brasileiros. É onde o maior objetivo é a luta pela verdadeira independência: não a independência da classe dominante (que foi o que, na prática, aconteceu), mas a de todos os cidadãos brasileiros.
Por isso, meus caros, ao invés de ir celebrar a suposta independência assistindo aquele patético desfile militar, ou mesmo se refugiar em outra cidade por conta do feriado, temos sim que dar o exemplo e fazer do dia 7 um dia para chamar a atenção dos governos nas 3 esferas para as necessidades do povo. Um dia para lutarmos juntos pela verdadeira independência do povo brasileiro.
Por isso, informe-se do horário e do local do Grito aí na sua cidade e não deixe de participar. É uma grande oportunidade para mostrarmos nossa indignação pelo estado de coisas que sujam a imagem do Brasil. Leia aqui alguns informes sobre o Grito dos Excluídos. Site oficial do Grito aqui.
E vamos à luta pela nossa independência de fato. Afina, como diz o lema deste ano: "A força da transformação está na organização popular".Organizemo-nos então!
Abraço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A partir de agora, todos podem comentar no blog, incluindo os anônimos. Contudo, para a sua segurança (e para a minha, claro), ele serão moderados. Só passarão os comentários relacionados ao assunto do post. Comentários com ofensas ou agressões não são bem-vindos. No mais, aproveite. Este espaço também é seu. Sabendo usar, não vai faltar.