quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Já não fazem mais indicados ao Nobel da Paz como antigamente

Olá.
E eu achando que já havia visto de tudo na minha jovial existência.
E pior, achando que a maior piada do Prêmio Nobel tinha sido a indicação de George W. C. Bush e Tony Blair ao Nobel da Paz, em 2003, em plena guerra do Iraque, que eles próprios provocaram.
Maaaaaaaas, já vi que os indicadores do Nobel estão mais fanfarrões ainda.
A mais recente piada é a indicação da banda paraense Calypso (!).
Sim, é verdade, deu no jornal local de lá..................................................."Agooooora choooooora!"

A justificativa que foi dada para tal indicação foi um trabalho que eles realizam com a população da região Norte.
Sim, mas e quanto à paz de nossos ouvidos? As músicas dessa banda são ridículas(parecem aqueles forrós toscos), as letras são cafonas e a voz daquela Joelma, irritante. Sem falar que os fãs da banda geralmente colocam as músicas da banda (?) no som do carro, no último volume, para toda vizinhança ouvir, ou então é o vizinho que escuta no Microsystem Stereo Surround, também no último volume e também pra toda vizinhança ouvir. Isso não seria um atentado à paz?
O. k. Falando sério agora.
Eu não vejo motivo para indicar o Calypso ao Nobel da Paz por uma razão simples: o que eles fazem não é nenhuma ação pacificadora. Eles fazem caridade, coisa que a maioria dos artistas brasileiros fazem, sobretudo para fazer um marketing pessoal positivo de si e para aparecer, na melhor das hipóteses. Na pior delas, alguns artistas (não todos por favor, nem estou aqui afirmando que o tal Calypso o faça, mas que alguns fazem, fazem) usam ONG's como um pretexto bonito e dentro da lei para sonegar o imposto de renda, já que instituições sem fins lucrativos são isentas dos tributos.
Eu estou confiante de que o Nobel não vai premiar essa bandinha mercadológica pela sua própria história de já ter premiado pessoas que fizeram ações de ajuda humanitária que realmente transformaram a realidade das regiões e países em que atuaram, de forma definitiva e foram exemplos para o mundo inteiro, tais como Martin Luther King, Madre Teresa de Calcutá, Nelson Mandella e outros. Seria uma grande ofensa à história de luta dessas pessoas se o prêmio fosse concedido a qualquer banda, artista, atleta ou empresa que faz caridades só para fazer marketing positivo de si próprio, afinal não é esse o objetivo do prêmio. Se for seguir esses critérios que utilizaram para indicar o Calypso, então, Xuxa, Gugu, Paulo Maluf, Zico e até a Rede Globo (só pra citar alguns exemplos) também deveriam ser indicados ao Nobel da Paz.
Por essa razão que expus acima ( não confundir com o fato de eu não gostar da banda), é que repudio essa indicação e acredito que o Nobel vai ser entregue a quem realmente merece ganhá-lo. E quem for favorável à indicação, por favor, apresente argumentos plausíveis nos comentários, não venham simplesmente me esculhambar.
Eu, repito, tenho certeza de que o Calypso não ganha nada, a não ser visibilidade (o que já é lucro pra eles). Maaaaas, que não era nem pra ser indicado, ah, isso não era.
Abraço.

6 comentários:

  1. É Como eu Disse, Tão Indicando canhão pro Nobel da PAZ huahauhuauhaha

    ResponderExcluir
  2. Xeçúis!
    ASuhsAUHSashUShsas!
    Eu vi, justamente, no Besterror essa notícia. Mas se eles tem trabalho social, não interessa se a música soa desagradável a alguns... afinal, não é Nobel de música.

    ResponderExcluir
  3. Você diz que eles só fazem caridade... aah, sei lá... não conheço o trabalho deles pra ter base pra criticar. Mas que é um "cañón", ah é!!!

    ResponderExcluir
  4. Sei lá, vi aí por cima que não é "Nobel da música", mas acredito sim que há pessoas com mais méritos que eles. Concordo com tudo q vc disse e acrescento mais, duvido muito que os grandes nomes de pessoas envolvidas em causas sociais ouçam esse tipo de música. Sem preconceito. Ah, e na boa, esses forrós não tem conteúdo algum.

    É estranho uma banda dessa ser indicada pra tal prêmio. Soa até como piada.

    ResponderExcluir
  5. Shiryu fiquei pasma! Concordo com você em gênero, número, grau e tudo mais!
    O mundo tá perdido!

    *Inclua na lista o Belga Henri La Fontaine que foi presidente do Gabinete Internacional Permanente para a Paz e criador da Documentação (visando o conhecimento para todas as pessoas) juntamente com Paul Otlet.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo22/5/12

    Eu gosto muito da música brega! eu do populaxo mesmo!!! mas nao sou burra!!! também acho que existam pessoas com muito mais coisas a oferecer do que eles...

    ResponderExcluir

A partir de agora, todos podem comentar no blog, incluindo os anônimos. Contudo, para a sua segurança (e para a minha, claro), ele serão moderados. Só passarão os comentários relacionados ao assunto do post. Comentários com ofensas ou agressões não são bem-vindos. No mais, aproveite. Este espaço também é seu. Sabendo usar, não vai faltar.