sexta-feira, 18 de julho de 2008

Bebê de "prástico".


Olá.
Vou comentar uma notícia interessante que eu li no G1.
Lá em Pato Branco Queensland, Austrália, policiais quebraram o vidro de um carro para resgatar um bebê. Sim, Welton, procedimento normal, e daí? Ora, o tal bebê era feito de plástico. Mas ele, de longe, lembra demais um bebê real. Daí a confusão dos "poliças" australianos.
Esse bebê falso, porém, fidedigno, foi criado pela artista plástica Vynette Cernik e já provocou outra confusão semelhante nos EUA.
"Eles têm o mesmo peso de um bebê, e são feitos para ter movimentos parecidos com o de uma criança também", afirma Vynette. E, para dar mais realismo, eles recebem cílios, unhas e cabelos reais(eca!).
Minha opinião sobre o caso? O fabricante dessas bonecas tem que ser proibido de vender bonecas tão realistas. Afinal, policiais tem que socorrer pessoas reais. E eu acho que crianças se contentam com bonecas tradicionais.
Maaaas, pelo menos, há um consolo para os australianos: a polícia de lá está preparada para qualquer ocorrência, como pudemos ver no episódio.
Maaaaaaaaaaaaaas, e se um negócio desses acontece aqui no nosso Brasil varonil?


É só ler ou assistir os jornais. Do jeito que os policiais daqui são "preparados" para qualquer incidente, eles iam atirar no carro até não poder mais antes de perceber que havia um bebê (e de plástico) no carro.
Triste, mas verdade.
Maaaas, as eleições vem aí. Vamos tentar consertar isso através do voto.
Abraço.

3 comentários:

  1. Se fosse no brasil o pivete, de plastico ou não, tinha virado camarão. FATO

    ResponderExcluir
  2. Hahahaha super concordo com o comentario acima, certeza que ia arrebentar o pobre coitado.

    ResponderExcluir
  3. Achei ótima essa sua "vamos tentar concerstar isso através do voto"
    Isso aí, pena que nem todo mundo tenha essa conciência.

    :)

    ResponderExcluir

A partir de agora, todos podem comentar no blog, incluindo os anônimos. Contudo, para a sua segurança (e para a minha, claro), ele serão moderados. Só passarão os comentários relacionados ao assunto do post. Comentários com ofensas ou agressões não são bem-vindos. No mais, aproveite. Este espaço também é seu. Sabendo usar, não vai faltar.